Greve dos caminhoneiros, algumas atualizações – 7 dia

A grande mídia já não consegue mais esconder os pedidos de intervenção militar feito pelos caminhoneiros.Em todos os pontos de paralisação, há faixas ou pinturas no chão com o pedido para que os militares tomem o poder.

Chegando ao seu 7º dia, os atos deste domingo (27) dão continuidade à mobilização que contarão também com o apoio da população que se manifestará nas ruas por todo o Brasil.
Michel Temer e sua turma vão se encontrando cada vez mais encurralados.

URGENTE: Petroleiros convocam greve de 72 horas

Da Federação Única dos Petroleiros – A Federação Única dos Petroleiros (FUP) e seus sindicatos filiados convocam a categoria petroleira para uma greve nacional de advertência de 72 horas.

Os trabalhadores do Sistema Petrobras iniciarão o movimento a partir do primeiro minuto de quarta-feira, 30 de maio, para baixar os preços do gás de cozinha e dos combustíveis, contra a privatização da empresa e pela saída imediata do presidente Pedro Parente, que, com o aval do governo Michel Temer, mergulhou o país numa crise sem precedentes.

A atual política de reajuste dos derivados de petróleo, que fez os preços dos combustíveis dispararem, é reflexo direto do maior desmonte da história da Petrobrás.

Os culpados pelo caos são Pedro Parente e Michel Temer, que, intensifica a crise ao convocar as força armadas para ocupar as refinarias. A FUP repudia enfaticamente mais esse grave ataque ao Estado Democrático de Direito e exige a retirada imediata das tropas militares que estão nas instalações da Petrobrás. (…)

Fonte: Papo TV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Divulgue em suas redes sociais